30 dezembro 2003

Saltos Altos e Calçadas Portuguesas

Nunca repararam da dualidade entre todas as gajas que andam a pavonear-se de saltos altos (e mini-saia, parece que voltou de moda mas não é para aqui chamada) sabendo que, mais coisa menos coiso, eventualmente terão que castanholar os nossos ouvidos sobre uma calçada portuguesa?
Serão que acham que ninguém repara?
Será que acham que os gajos gostam de ter os ouvidos martelados?
Será que nunca lhes disseram que dá para perceber quando elas passam à frente de uma garagem num beco escuro, abrir a porta de repente, agarrá-las pelo gasganete, puxá-las para dentro e fazer um belo snuff movie?

Acho que não há homicidas psicopatas que cheguem neste país, rais partam.

05 novembro 2003

Exmos. Srs. da Repartição

Dados os acontecimentos recentes no WC dos cavalheiros funcionários da repartição, venho pela presente informar V.Exas. que:

1 - No mictório, abanar o coiso mais do que três vezes não é de todo tolerado, seja qual for o grau de energia aplicado no processo, bem como abanar o coiso do cavalheiro no mictório ao lado, independentemente do número de vezes e de o que esse cavalheiro esteja a fazer com as mão no momento em questão;
2 - Após conferenciar com o Director Adjunto, é nosso parecer que usar a parede adjacente aos mictórios, bem como o interior das portas das sanitas para troca de números de telefone, moradas e horários de comboio dos cavalheiros não é o local mais indicado. Tomamos providências para que, no próximo OE, haja disponibilidade de verba para um placard de corticite que será mais adequado para o efeito;
3 - Solicitámos também ao cavalheiro responsável que se abstenha de sub-anotações com comentários depreciativos sobre a sexualidade dos seus colegas, por não considerarmos esta uma atitude ética e deontológicamente correcta;
4 - Qualquer contacto da boca dos funcionários com o coiso de outros funcionários é completamente proibido, seja lá qual for o tempo de casa invocado como argumento;
5 - Por fim, solicitámos aos cavalheiros que evitem ir ao WC em grupos numerosos, pelas restrições impostas pela capacidade do WC em questão e pelos óbvios inconvenientes causados aos utentes da repartição. Lembrámos aos funcionários que o uso das instalações sanitárias não deverá demorar mais do que 5 minutos, se para fins liquídos, ou 15, se para fins sólidos;
6 - Apesar do que o delegado sindical possa dizer, as indicações supracitadas não violam os direitos laborais vigentes para a Administração Pública.


Grato pela Atenção


O Chefe da Secção

30 outubro 2003

Olá...

Então, ninguem diz nada?

24 outubro 2003

Cá por cima diz-se com mais pujança...

Divulgo aqui um manual rápido de tradução de expressões comuns para quem anda no mundo do trabalho, de modo a que, de Norte a Sul, toda a gente se entenda melhor:

FRASE 1:
Lisboa (L): Não tenho a certeza se vai ser possível!
Porto (P): NEM QUE TU TE FODAS!

FRASE 2:
L: A sério? É incrível! Diria mesmo impressionante!
P: PUTA QUE O PARIU, PUTA QUE O PARIU!

FRASE 3:
L: Claro que isso não me preocupa!
P: TOU-ME A CAGAR E A ANDAR!

FRASE 4:
L: Eu não estava envolvido nesse projecto!
P: MAS QUE CARALHO E QUE EU TENHO A VER COM ESSA MERDA?

FRASE 5:
L: Interessante, hein?
P: FODA-SE!!!

FRASE 6:
L: Será difícil concretizar a tarefa no tempo estipulado!
P: NAO VAI DAR NEM QUE ME FODA TODO!

FRASE 7:
L: Precisamos melhorar a comunicação interna!
P: PUTA DE MERDA! NAO HA NENHUM CARALHO QUE ME RESPONDA???

FRASE 8:
L: Talvez eu possa trabalhar até mais tarde!
P: E NO CU? NÃO QUERES LEVAR NO CU TAMBÉM???

FRASE 9:
L: Não está familiarizado com o problema!
P: CALA-TE CARALHO!

FRASE 10:
L: Desculpe!
P: VAI PA PUTA QUE TE PARIU!

FRASE 11:
L: Desculpe, senhor!
P: VAI PA PUTA QUE TE PARIU SEU PANELEIRO!

FRASE 12:
L: Acho que não posso ajudar!
P: FODE-TE PRAI SOZINHO!

FRASE 13:
L: Adoro desafios!
P: PUTA TRABALHINHO DE CORNO!

FRASE 14:
L: Finalmente reconheceram a tua competência!
P: FOSTE AO CU A QUEM?

FRASE 15:
L: É necessário um treino para o pessoal antes de ligarem a máquina!
P: VOU DAR NOS CORNOS A QUEM MEXER NESTA MERDA!

FRASE 16:
L: Eles não ficaram satisfeitos com o resultado do trabalho!
P: BANDO DE FILHOS DA PUTA!

FRASE 17:
L: Por favor, refaça o trabalho!
P: ENFIA ESSA MERDA NO CU, ESTA UMA BELA MERDA!

FRASE 18:
L: Precisamos reforçar o nosso programa de treino!
P: SE SEI QUEM FOI O FILHO DA PUTA QUE FEZ ISSO!...

FRASE 19:
L: É necessário melhorar os nossos índices de produtividade!
P: E SE FOSSEM BATER A PUNHETA PRO MEIO DA RUA???!!!

FRASE 20:
L: Que pena. Teremos outra não conformidade!
P: CARALHO! VAI SAIR CAGADA OUTRA VEZ!

FRASE 21:
L: Vamos negociar o projecto com mais determinação!
P: VOU ENFIAR ISTO GOELA ABAIXO DESSES FILHOS DA PUTA!

FRASE 22:
L: Desculpe, eu poderia ter avisado!
P: EU SABIA QUE IA DAR MERDA!

FRASE 23:
L: Os índices de produtividade da empresa estão a apresentar uma queda sensível!
P: ESTA MERDA TA A IR PRO CARALHO!

FRASE 24:
L: Esse projecto não vai gerar o retorno previsto!
P: AGORA FODEU-SE! TA TUDO FODIDO!

17 outubro 2003

Tá-se?

Seguindo a linha de pensamento anterior chego á seguinte conclusão: tá um belo dia para coça-los!
Que melhor do que chegar á sexta-feira, no belo do fato de treino, e dedicar em exclusivo uma a duas horas do precioso tempo, a coçar a tomateira?
Tá-se...

15 outubro 2003

Alterações no ensino do português

Como português, e dado já ter concluído os meus estudos, é com um profundo sentimento de frustração que recebo a notícia de que o ensino de português nas nossas escolas será reformulado - para que se torne mais actual e moderno, será por exemplo apoiado em programas pertinentes para a nossa formação como sociedade, tais com o Big Brother.

É injusto - porque não tive eu direito a uma educação assim tão moderna?

Só podemos concluir que, seguindo esta tendência, talvez os escritores portugueses clássicos sofram ligeiras alterações nas suas obras - para que, por exemplo, a utilização do português se torne mais adequada - sim, o conteúdo seria o mesmo (ok, talvez umas alteraçõezitas de pormenor - a tia que se apaixona pelo sobrinho do vizinho que tem uma doença grave que não pode ser curada pelo médico que é no entanto tio da amante do vizinho - para que a leitura se torne mais aliciante).

Sendo assim, deixo-vos com esta ideia, esperando k não seja bué de comprida, e fiquem bem, tá-se?

Quem consegue controlar a pantera...

Pois é: para quem ainda não reparou, anda uma pantera à solta no agrafador!

Não sei se foi enviada pelo "I. I. of W. F.", mas seja como for é preciso dominar esta pantera.

Aceitam-se sugestões... (para pelo menos identificá-la... eu acho que é o Agrafe a controlar-nos)

14 outubro 2003

O tempo que faz...

Pessoal, já temos previsão do estado do tempo no nosso Blog.
Isto agora é serviço público!

Venham daí os subsídios....

13 outubro 2003

Censura...

Por muito que me custe, eu tenho de dizê-lo publicamente! Eu afirmo que os comentadores deste Blog são como os portugueses casados e sem força no pudibundo mastro!
Escrevem uma vez ao mês e acaba logo!
Isto faz-me lembrar a anedota com uma série de homens de meia idade e um velhote que vão ao urulogista. O médico pergunta quantas vezes têm relações sexuais com a mulher e todos respondem razoavelmente, menos o velhote que diz que é quase todos os dias!! O médico admirado, pergunta como é possível ser quase todos os dias!!!! Ao que o velhote responde: «É simples, é quase á segunda, quase á terça, quase á quarta...»
Pois meus amigos, se não se põem finos, acabam como o velhote...

Devaneios...

Quantos de nós não ouvimos já a mítica frase: "vai á merda"?
Pois bem, hoje dedico algumas linhas a esta magnifica frase vazia de significado. Passo a explicar:
O vai á merda não pode pressupor, em si, o indicar-nos o caminho da merda, pois a própria frase é pronunciada com sentido inconstante e sem significado físico ou temporal. É simplesmente um vai á merda e quanto muito vai á merda e já!.
Mas afinal o que quer dizer esta frase? Onde fica este local merda? A quem perguntamos? «Olhe, desculpe, mas pode indicar-me como vou á merda?», ou então «Sabe, por um acaso, onde fica a merda?» Quanto muito podemos associar á sanita, mas então ficava vai á sanita, o que em si não melhora grande coisa, nem nos indica precisamente qual a sanita, nem a indicação exacta dela. Isto leva-nos ao nosso ponto de partida: o que quer dizer vai á merda.
Outra das explicações poderá passar pela Guarda, que tem uma terreola chamada Mêda, mas mesmo esta explicação fica bastante longe daquilo que procuramos, pois merda e Mêda pronunciam-se de maneira diferente e, ainda, ninguém que conheça a dita, mandaria propositadamente alguem ao fim do mundo...
A origem desta frase é ainda inexplicavel nem se sabe ao certo a sua origem temporal. Nem de que zona do país é oriunda, mas a verdade é que é hoje em dia "A frase". Todos nós sabemos a poética vai á merda. Tomos nós proferimos a mítica vai á merda.
O problema é que até agora ainda não surgiu a explicação cabal e sem sombra de mácula, que nos indicasse, pelo menos, o local exacto da merda .
Portanto á intemporal vai á merda, eu só posso responder «Vou, mas vou contrariado...».

Das ganzas e outras coisas mais...

A ganza provoca esquecimento e outras coisas que agora não me lembro...

07 outubro 2003

Das gajas, mulheres e outros bichos raros...

"Arrium, porrium, catanorium cuncuae!!!"

Calígula, depois de saltar à espinha à mãe e antes de chegar o zippo aos pentelhos de Roma.

06 outubro 2003

Interrogo-me...

Comé que é, pessoal?! Então afinal o que se passa por estas bandas, hein?? Desde que acabou o canal 18 que deixaram de participar! Quase que dá vontade de perguntar a razão de tal eventualidade... Ou será que é por demais evidente?
Será que vos falta a força nos canhotos?
Será que não se tecla com a mão esquerda?
Será que o "Núticias" vos entusiasma?
Será que o vosso monitor está pintado de branco?

A resposta a estas e outras questões é crucial!! O futuro dos teclados com fio depende de VÓS, irmãos!
Juntai-vos! Uni-vos! Abraçai-vos fraternamente (mas primeiro lavem as mãos)!

A força espectral chama por VÓS, irmãos!
A divina tecla "Enter" clama por vossa atenção!

Não descurai, irmãos, a importância da fraternidade BLOGAL!!
Não cedei a tentações vãs!
Procurai a libertação pela mão, irmãos!!

Depositai as vossas confissões! Abri as vossas almas!

Esconjurai os vossos pesadelos!!!!

02 outubro 2003

Cultura...

Pessoal aconselho vivamente a leitura afrodisíaca do seguinte BLog:

o meu pipi

Aqui vão alguns excertos do que podem encontrar:

"Vergalhos valentes e vibráteis da Venezuela, vergastam velhas vaginas virgens, vincadas de varizes violetas."

"Não sei em que comissão paneleira se decidiu que coçar os colhões é passatempo rústico. Tal ideia não podia estar mais distante da realidade. Coçar os colhões é um prazer contemplativo, próprio de gajos sofisticados e meditabundos. É, aliás, uma actividade que convida à reflexão. Descartes postulou o cogito com o escroto pustulento, tal tinha sido a intensidade com que as unhas haviam friccionado os colhões. Kant teve de aplicar uma cotoveleira de cabedal ao invólucro da colhoada, caso contrário teria chegado ao fim dos seis anos que levou a escrever a Crítica da Razão Pura com um buraco no escroto, e ele sabia que ninguém engoliria a patranha do apriorismo se aparecesse a explicá-la com um colhão fora do saco."

"Estou sem empregada. A dona Fernanda despediu-se. Diz que está farta de limpar langonha da pantalha da televisão. Esta gente, hoje em dia, inventa tudo para não trabalhar. O que se passa é o seguinte: em certas noitadas de punheta, a ver o canal 18, gosto de acabar a sarapitola sincronizando o meu esguicho com o do gajo do filme, para que me possa abeirar do televisor e fazer o meu próprio cumshot para a cara da artista. No dia seguinte, a dona Fernanda tinha a missão de limpar o meu Zebra Trinitron (um Black Trinitron com riscas de nhanha), muitas vezes com as próprias unhas, nas partes mais ressequidas. Agora, escassas três semanas e dez frascos de limpa-vidros depois de a ter contratado, diz que está farta. Ora foda-se. "

"Muitas gajas me têm dito: “Mmmf, pmnngnn gnff mmlmn mmlgnf.” E depois eu tiro-lhes a pichota da boca e finalmente percebo que o que estão a dizer é: “Ó Pipi, esporra é uma palavra muito feia.” E eu contraponho: “Está bem. Também o zé tolas é feio e tu gostas que eu to enfie no gasganete conal.”


Leiam e cultivem-se

:-)

Carta de reclamação de um espectador do Canal 18

Caros directores do canal Viver/Vivir,

Primeiro: a vossa programação, durante o dia, é uma merda. Isto é
ponto assente. Vão lá falar de raças de cães e ensinar a tirar
nódoas de vinho De camisas brancas para o caralho.

Segundo: os filmes, à noite, não estão mal. Mas há aspectos a rever.
Nomeadamente, a questão da dobragem. O problema principal é este:
estão ali a ser dadas fodas em inglês (na maior parte dos casos). As
falas e a gemideira estão dobradas para espanhol. Pode contestar-se a
necessidade da dobragem, mas não se pode negar que é um esforço
válido porque permite que muitos e muitos analfabetos tenham acesso a guinchadeira
fodal proferida num idioma que compreendem. Mas, pergunto eu: e os peidinhos de cona? Os peidinhos de cona perdem-se na dobragem, meus amigos. Isto é uma
vergonha, em pleno século XXI. E quem diz peidinhos de cona diz todo
um chlap, chlap, chlap de colhões a bater na peida que não chega ao
Espectador português.
Há dias, assisti a uma película transmitida por vós em que o saco
dos colhões malhava na regueifa com uma velocidade tal que parecia
castanholas na mão de uma sevilhana com Parkinson. Cuidais que se
ouvia alguma coisa?
O caralho é que se ouvia. Faz falta, no estúdio onde se procede à
dobragem, uma cona que dê peidinhos em espanhol, sincronizadamente
com a cona americana que está levar as nabadas propriamente ditas no
filme. Mais:contratem-se colhões castelhanos e façam-se embater os
mesmos contra rechonchudas nalgas suas compatriotas, captando esse
som mavioso para o incluir na dobragem. Faça-se tudo isto - e depressa -
caso contrário várias punhetas ficarão mal batidas.

Um abraço,
Pipi, um vosso assinante

Umas das maiores verdades do mundo....e talvez da europa

"Mulher é o animal mais contraditório da terra:
- faz depilação,
- tatuagem,
- piercing,
- fica menstruada,
- dá à luz,
- leva injecções de Botox na cara,
- faz plásticas e aguenta a dor da recuperação,
- suporta melhor a dor que o homem,

Mas, quando o homem pede o cuzinho, diz:
- Aí não! Dóóói...
'"

01 outubro 2003

Pensamentos do dia...

PENSAMENTO 1
"Mulher muito bonita é como melancia gande. Ninguém a come
sozinho."

PENSAMENTO 2
"O duro não é carregar o peso do chifre, o duro é
sustentar a vaca."

PENSAMENTO 3
" Uma empresa é como uma árvore cheia de macacos.
Cada um num galho diferente, alguns descendo, outros
subindo.
Os macacos que estão em cima olham para baixo e
veem um monte de rostos sorridentes.
Os que estão embaixo olham para cima e só veem
cús"

PENSAMENTO 4
" Mulheres são como moedas: ou são caras ou são
coroas."

PENSAMENTO 5
"Agora sou alpinista, só o 'cume' interessa."

PENSAMENTO 6
"As nuvens são como chefes... quando desaparecem, o
dia fica lindo !!!"

PENSAMENTO 7
"PARA QUE LEVAR A VIDA A SÉRIO, SE NÓS NASCEMOS DE
UMA GOZADA?!"

PENSAMENTO 8
"Quem vê mais longe é o ginecologista...
vê lá na casa do caralho."

PENSAMENTO 9
"O chifre é como um concurso, quando você menos
espera, é contemplado."

PENSAMENTO 10
" O melhor negócio do mundo é abrir um bordel, se você
falir, ainda pode comer o stock."

Cultura...

Aqui vão alguns sites interessantes, ou talvez não, mas de nome muito sugestivo:

www.peida.com
www.mija.com
www.foda.org.pd
www.caga.ca
www.bosta.ac.uk

Agrafe

Atenção, Atenção

Pede-se a quem tiver informações sobre o paradeiro do BOI do sócio com imagem e foto indisponível (mas pode-se arranjar qualquer coisita. Ouvi dizer que foi de bodas recentemente...) de idade mais que avançada, mas não muito, que informe os restantes sócios através deste local, sobre o real poiso dessa excelência.
O dito não tem nome fixo, nem sequer se lembra dos registos efectuados, mas tem alguns indicios de alfabetismo pelas mensagens pouco anónimas aqui colocadas recentemente...
Não foram reveladas, pelas fontes locais, alterações do foro psicológico, mas suspeita-se que existam resquícios de práticas impróprias de pinturas Naif envolvendo cigarrilhas café creme.

Pede-se a vossa preciosa ajuda.

Novos Tópicos...

Caríssimos agrafes e agrafas,

Uma vez que a livre (isso é que era bom!!!) discussão de ideias e consequente democratica liberdade de pensamento ( sonhai...) é apanágio deste Blog, aqui vai um novo tópico para discussão:

Os saltos acrobáticos - de mulheres semi-nuas - dos candeeiros de parede.

Podem oPinar como melhor entenderem.
Posts não sujeitos a censura (crentes! eheh)

Enfim isto começa a aquecer...

Pois é verdade meus amigos, parece que isto finalmente começa a ter alguma corrente de pensamento. Até aqui as coisas pareciam muito pacatas, ou na giria surfoide, o mar andava "flat".
Só tenho algumas coisitas a apontar. A saber:

1º Emprestar, emprestar só se for as peúgas pretas que estão nas fundas da minha cama. Os ouvidos é que nem pensar nisso é bom! Quanto mais sei lá se depois não mos devolvem cobertos de cera e parafina ranhosa, bem coberta de ranho seco emplastrado.

2º Saratá Lá Pá rátá CáCá BLáBlá GáPá Tirá Más É Pra Fora Pá

3º Apreciei a parte do Hirta

4º Os agrafes novatos ainda nao se iniciaram no ritual. Urge dar umas agrafadelas de boas vindas aos caloiros. (Enfim, nada que não se resolva com umas bejecas pagas ao Mestre : Moi! )

Agrafe

Concidadãos, emprestai-me os vossos ouvidos...

Agora que tenho um modo de me exprimir democraticamente, i.e., para quem calhar de ler este pasquim literário da melhor estirpe, digno das melhores bicas com cheirinho do Eça, aproveito só para agradecer a todos os que, abnegados dos mais elementares interesses próprios e imbuídos dos sentimentos patrióticos mais fervilhantes de devoção a esta nação que chamamos a nossa pátria, enfim, puro engano do léxico, e distraídos em geral, gostaria de desejar a todos esses simpló... senhores, um grande bem haja, firme na convicção de que amanhã haverá mais oportunidades de acertarem o voto trémulo na urna hirta.

Sáravá

24 setembro 2003

De Volta.....

Olá pessoal, cá estamos de novo após umas longas e merecidas férias!
Este post é só para anunciar que temos um novo agrafe neste Agrafador.
Espero que seja comedido na linguagem e que se porte condignamente. Fora isto só não pode dizer Merda nem falar mal do Mestre (eu!).
Quem não cumprir estas regras é agrafado do intestino até ao céu da boca!

Agora já somos três agrafes!!!! ena ena!

Agrafe

08 agosto 2003

Test

è sexta-feira, não tou inspirada, os neurónios estão a fugir... ;-)

é só mesmo pa experimentar!

Record

Mês amigues (para quem não percebe é Carrapês - Língua oficial da península de Setúbal)

Hoje foi batide o rrrecorrrd de visitantes on-line.
Pela prrimeirrra vez na histórrria do nosse Blog estiverrram, nada mais nada menos que, 2 visitantes ó mesme tempe, amigues!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Vou já abrrrirrr o Moet e comemorrarr... Volto mais logue, hic! hic! Ou então um Moscatel.... hmmmm... Ou ambos :)

Agrrrafe

P.S. Podem Comentar os posts, C$#$&%o !! F%$#-#e !!!! Anda um gajo a gastar o Latim do teclado... Que m#$%a do c#$#%&o.

Cantorias...

"
Os meus irmões baterem-me

Aaaaaah…
E vierem os mês irmões de França
E todos a mandarem-me pedras
E a fugirem atrás de mim em rouloottes
Para me baterem-me de propósito
Porque eu sera um cigano que não fazera as coisas como deve de ser

Aaaaaah…

E sera uma desgraça para toda a raça cigana
E os mes primos gozarem comigo quando eu ira na rua
E depois m amandarem-me com pedras
E fazerem mal ao mes sobrinhos
E aos meus irmões e aos mes cães

Aaaaaaah,
Aaaaaahh, sou tão cigaaaano.

E depois virem os meus tios e o os mes primos
Armados com caçadeiras e com fisgas
E amandarem-me com pedras
E todos os mes irmões primos darem-me porrada
E amandarem-me com a cabeça para as poças
E sera uma vergonha para toda a raça cigana

Aaaaaaah
Porque é que os mes irmões me baterem-me?

Olé!

"

Cebola mol, Os meus irmões baterem-me

Mp3

Divulgação

Pois é meus amigos vale sempre a pena divulgar sites de importância cultural e recreativa, portanto cá vai um dos que encontrei e que me parece muito completo, debatendo assuntos de importância vital:


Cebola Mol

Agrafe.

07 agosto 2003

Informação cultural

Bueiro, s. m. abertura natural ou artificial por onde se escoam águas.
Bufo, s. m. ave nocturna semelhante à coruja; delator.
Bicha, s. f. nome genérico de todos os vermes e répteis de forma comprida; fileira de pessoas.
Urinol, s. m. lugar ou sítio público onde os transeuntes vão urinar.
Zurzir, v. tr. bater, açoitar; vergastar; criticar acerbamente.

Informação cultural

Dama, s. f. mulher nobre; senhora educada; uma das cartas de jogar.

Sem comentários...

"Infidelidade e cheques sofrem ambos do mesmo mal:

-Falta de cobertura
"


Nota: Isto é do melhor que se encontra pela net... Se fosse um faducho eu diría: Ah! Fadista!!

Agrafe

Notícia de última Hora

"Após várias tentativas falhadas e repetidamente mal executadas foi, finalmente, possível sacar a carranhola do nariz" - foi assim que começou a a guerra tóxica de um país vizinho do Uzebequistão - não divulgado por motivos de segurança planetária e, quem sabe, interplanetária- segundo fontes anónimas do ministério da segurança, petróleo e outros combustíveis líquidos e taxa de Pagamento Especial por Canal daquele país...

Acreditem se quiserem mas a verdade é que a dita "carranhola" provocou um entopimento numa mangueira de um posto de combustível imediatamente depois de ter sido lançada ao ar pelo seu ex-senhorio, alojando-se posteriormente na pistola que debita a gasolina aos veículos a motor.

Segundo parece os prejuizos são incalculáveis, chegando a ponto de o tal país ter decretado estado de calamidade púdica em todo o território nacional.

Todos os países vizinhos encerraram as suas fronteiras e cortaram todas as condutas de abastecimento de fuel e pipelines.

Se avistarem do espaço o país que aqui está retratado é a mancha negra visivel em forma de..errr... carranhola... devido ao corte total de energia eléctrica. Todo ele está completamente ás escuras.

Quaisquer outros desenvolvimentos serão aqui devidamente relatados.

Assim me despeço com mais uma notícia bomba de última hora....
Agrafe.

06 agosto 2003

Informação cultural

Pedante, adj. e s. m. e f. pretensioso; afectado

Informação de última hora

A pedido de muitas famílias, cartas manuscritas e telefonemas anónimos obscenos, aqui vai a explicação para o nome deste blog!!!!

Depois de dois dias infernais a fugir dos vizinhos, pedantes, automobilistas embriagados, cobradores do fraque, canalizadores e estafetas da telepizza;
Após queimar e incinerar 2.345.432.450 e 1 cartas e postais entediantes, que variavam entre pedidos de casamento passando por consultório amoroso acabando em insultos obscenos virados para as flores;

Finalmente aqui deixo a explicação cabal e terminal, sem deixar sombra de dúvida ou mácula, acerca do nome glorioso deste magní­fico blog intestinal:

Este blog chama-se AGRAFADOR por duas (2!) razões vitais:

1a) Porque SIM!!!
2a) Porque me apeteceu!

Como foi dito anteriormente só há duas razões, pelo que, a terceira (era o único nome disponí­vel da extensa lista de 32 nomes pré-definidos que eu tinha feito) não conta!!!!

Abraço amigo,

Agrafe

Começar devagarinho....

Ora bem, depois de começar esta treta o arrependimento já se apoderou da minha pessoa. Fez-me dizer uma série de palavrões e arrancar alguns - dos poucos - cabelos que habitam a minha cabeça...
estou quase, quase pronto a partir o meu pc todo...

Vamos lá ver se isto começa a ter alguns frutos. Já fiz alguns melhoramentos no agrafador, mas ainda há muito - ai ai- trabalho pela frente.

Agrafes amigos

05 agosto 2003

Manifesto

Caros Amigos,

Hoje está oficialmente aberto o Blog "Agrafador".
Depois de largos dias a magicar e revolver a net, resolvi iniciar um blog dedicado a todos aqueles que, de uma maneira ou de outra, encontrem aqui o sitio ideal para o depósito dos seus pensamentos.

Espero que depositem aqui tudo o que vos vai na tola.

Abraço,

Agrafe